Neurologista - Dr. Willian Rezende

Enxaqueca e síndrome do intestino irritável estão relacionadas


A enxaqueca e a dor de cabeça tensional podem partilhar ligações genéticas com a síndrome do intestino irritável (SII), de acordo com um estudo divulgado apresentado reunião anual da Academia Americana de Neurologia, em Vancouver, no Canadá.

A síndrome do intestino irritável é o distúrbio gastrointestinal mais comum em todo o mundo e afeta até 45 milhões de pessoas nos Estados Unidos.

Muitas pessoas permanecem sem diagnóstico e a causa exata da doença crônica não é conhecida. Os sintomas mais comuns incluem dor abdominal, cólicas, uma sensação de inchaço, gases, diarreia ou constipação.

Como a dor de cabeça e a síndrome do intestino irritável são condições comuns, com causas desconhecidas, encontrar uma possível ligação que poderia lançar luz sobre a genética comum dessas condições é muito encorajador.

O estudo envolveu 107 pessoas com enxaqueca episódica, 53 com cefaleia do tipo tensional, 107 pessoas com SII e 53 pessoas saudáveis. Os participantes com enxaqueca e cefaleia tensional foram examinados para sintomas de SII e os participantes com SII foram questionados sobre dores de cabeça.

De acordo com os pesquisadores, as pessoas com enxaqueca tinham duas vezes mais chances de ter também SII, assim como as pessoas com cefaleia tensional.

Um total de 54% das pessoas com enxaqueca também tinham SII, em comparação com 28% das pessoas com dor de cabeça tensional. Dos participantes com SII, 38 também tinham enxaqueca e 24 também tinham dor de cabeça  tensional.

“Quando os pesquisadores analisaram o gene transportador de serotonina e o gene receptor de serotonina 2A, eles descobriram que os pacientes com SII, com enxaqueca e com cefaleia tensional tinham pelo menos um gene que diferiam dos genes dos participantes saudáveis. Mais estudos são necessários para explorar esta possível ligação, mas descobrir genes compartilhados pode levar a mais estratégias de tratamento para essas condições crônicas, no futuro”, afirma o  neurologista, Willian Rezende do Carmo, CRM-SP 160.140.

Compartilhe

Dor de Cabeça

A Cefaleia, conhecida popularmente como dor de cabeça, pode ocorrer de modo isolado, quando apresenta um complexo sintomático agudo (como a enxaqueca), ou provida de doenças em desenvolvimento (como infecções). O diagnóstico é baseado na compreensão da fisiopatologia dessas dores de cabeça, na obtenção de um histórico clínico e na realização de um exame físico e neurológico criterioso, para formular um diagnóstico diferencial.

Ligue agora e agende sua consulta:

(11) 3522-9515




Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *