Neurologista - Dr. Willian Rezende

Tratamento da Dor de Cabeça Intensa


Dor de Cabeça Intensa

A dor de cabeça com dor acima dos olhos, dos ouvidos, atrás da cabeça (occipital) ou na parte de trás do pescoço têm muitas causas e podem ser primárias ou secundárias e sendo assim precisariam de um Tratamento da Dor de Cabeça Intensa. As dores de cabeça primárias não estão associadas a outras doenças. Exemplos de dores de cabeça primárias são enxaquecas e dores de cabeça por tensão. As dores de cabeça secundárias são causadas por outras doenças. Dores de cabeça tensionais são o tipo mais comum de cefaleia primária.

As enxaquecas são o segundo tipo mais comum de dor de cabeça primária. Enxaqueca muitas vezes não é diagnosticada ou é diagnosticada como tensão ou sinusite.

As cefaleias secundárias podem resultar de inúmeras condições, como:

  • Tumor cerebral;
  • Acidente vascular cerebral (AVC);
  • Meningite;
  • Hemorragia subaracnóidea;
  • Abstinência de cafeína;
  • Descontinuação de analgésicos;
  • Entre outras.

Muitas pessoas sofrem de distúrbios de dor de cabeça “mistos” nos quais dores de cabeça tensionais ou dores de cabeça secundárias podem desencadear a enxaqueca.

Em um grau de dor de 0 a 10 a cefaleia é considerada intensa quando está entre 9 e 10, é incapacitante para o paciente (impede a realização das atividades de vida diária) e pode persistir por horas ou até dias. Alguns sintomas que ajudam a diagnosticar são:

  • Quando a pessoa não consegue realizar suas atividades;
  • Tem dificuldade em abrir os olhos;
  • Sente enjoo e chega a regurgitar;
  • Só quer ficar deitado e no escuro.

Sintomas

Esse tipo de dor são tipicamente as enxaquecas que podem causar dor intensa geralmente em apenas um lado da cabeça e causam:

  • Náusea intensa;
  • Dor pulsátil intensa;
  • Tontura;
  • Desmaios;
  • Extrema sensibilidade à luz e ao som;
  • Incapacidade significativa ao realizar as tarefas do dia.

Tratamento da Dor de Cabeça Intensa

O tratamento da dor de cabeça depende do tipo e gravidade da cefaleia e de outros fatores, como a idade do paciente.

A melhor maneira de tratar esse tipo de dor, não é com medicamento via oral (devido às náuseas intensas) e sim medicamentos injetáveis (que podem ser aplicados pela própria pessoa), associado a anti-inflamatório e anti hermético (ex: vonau) sublinguais e analgésicos.

Uma forma de prescrição comum de medicamentos para dor intensa:

  • Sumatriptano 6mg injetável subcutâneo (o próprio paciente aplica a seringa na gordura debaixo da pele)
  • Piroxicam 20mg sublingual. Colocar 2 comprimidos debaixo da língua
  • Ondansetrona 8mg sublingual. Colocar 1 comprimido debaixo da língua
  • Dipirona gotas. Colocar 40 gotas debaixo da língua.

Com esse tratamento, mesmo que o paciente esteja vomitando muito ou com muita náuseas, terá efeito e muito rápido (minutos) ficará melhor.

É importante relatar que a injeção de sumatriptano pode causar efeito colateral de queda de pressão, sensação de opressão no peito, sensação de desfalecimento eminente. Mas todas essas sensações também são transitórias e passam rapidamente.

Esse esquema tipicamente é para quando a dor é intensa e o paciente pensa em ir ao pronto socorro.

Referências

1 – Headache disorders: differentiating and managing the common subtypes

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4590146/

Avalie essa notícia
Compartilhe:

Deixe um Comentário