Neurologista - Dr. Willian Rezende do Carmo


Aleitamento – Pode Consumir Álcool Amamentando?

Categorias: Conteúdos




Aleitamento – Pode Consumir Álcool Amamentando?

Publicado: 31/12/19 | Atualizado: janeiro 6, 2020

Aleitamento – Pode Consumir Álcool Amamentando? – As mães que amamentam geralmente recebem conselhos conflitantes sobre o consumo de álcool afetar – ou não- o bebê. Embora muitas vezes sejam advertidas a não consumir esse tipo de substância durante a gravidez devido à evidência de que isso pode causar danos ao feto, os problemas causados pelo consumo do álcool durante a amamentação não são bem definidos. Por isso, foi realizado um estudo para comprovar estes riscos. Continue lendo este artigo para saber mais sobre o tema.

O Consumo de Álcool no Aleitamento

Os efeitos do álcool no bebê que é amamentado estão diretamente relacionados à quantidade de álcool que a mãe ingere. Quando a mulher bebe ocasionalmente ou limita seu consumo a uma bebida ou menos por dia, a quantidade de álcool que seu bebê recebe não provou ser prejudicial.

Se consumido em grandes quantidades, o álcool pode causar sonolência, sono profundo, fraqueza e ganho de peso anormal no bebê, além da possibilidade de diminuição do reflexo de ejeção de leite na mulher. Mães que bebem não devem compartilhar a cama com seus bebês, pois seus reflexos naturais serão afetados.

A ingestão razoável de álcool não deve ser desencorajada. Como é o caso da maioria das drogas, muito pouco álcool sai no leite. A mãe pode tomar um pouco de álcool e continuar amamentando, como costuma fazer. Proibir o álcool é outra maneira de tornar a vida desnecessariamente restritiva para as nutrizes. Aleitamento – Pode Consumir Álcool Amamentando?.

Aleitamento Pode Consumir Alcool Amamentando?

O funcionamento do Álcool no Leite Materno

O álcool é transferido prontamente para o leite humano, com um plasma. Isso não significa necessariamente que a dose de álcool no leite seja alta, apenas que os níveis no plasma correspondem intimamente aos do leite. A quantidade absoluta (dose) de álcool transferida para o leite é geralmente baixa e é uma função do nível materno. Estudos mais antigos, alguns em animais, sugeriram que a cerveja (ou mais provavelmente a cevada) pode estimular os níveis de prolactina. Quantidades significativas de álcool são secretadas no leite materno, embora não seja considerado prejudicial ao bebê se a quantidade e a duração forem pequenas. A quantidade absoluta de álcool transferido para o leite é geralmente baixa.

Níveis excessivos podem levar à sonolência, sono profundo, fraqueza e diminuição do crescimento linear no bebê. Os níveis de álcool no sangue materno devem atingir 300 mg/dl antes que efeitos colaterais significativos sejam relatados no bebê. Aparentemente, a redução do fluxo de leite depende da dose e requer consumo de álcool de 1,5 a 1,9 g/kg de peso corporal (1). Aleitamento – Pode Consumir Álcool Amamentando?.

Outros estudos sugeriram atraso psicomotor em bebês de pessoas que consomem moderadamente (2 ou mais bebidas por dia). Evite amamentar durante e por 2-3 horas após o consumo de álcool. Pessoas que bebem demais devem ​​devem esperar ainda mais efeitos negativos.

A taxa de consumo de leite por crianças durante as 4 horas imediatamente após a exposição ao álcool (0,3 g / kg) em 12 mães foi significativamente menor, dado constatado a base de estudos. Aumentos compensatórios na ingestão foram observados durante as 8 – 16 horas após a exposição, quando as mães se abstiveram de beber.

O metabolismo do álcool em adultos é de aproximadamente 1 grama em 3 horas; portanto, as mães que ingerem álcool em quantidades moderadas geralmente podem retornar à amamentação assim que se sentirem neurologicamente normais. Pessoas que consomem moderadamente ou de maneira exagerada não devem amamentar. Aleitamento – Pode Consumir Álcool Amamentando?.

Consumir Álcool e Amamentar – O Estudo

Um grupo de pesquisadores suspeitavam que o consumo de álcool quando associados a amamentação poderia estar ligado a redução de funções cognitivas dos bebês. Foram analisadas 5107 crianças australianas. O estudo teve início em 2004 e essas crianças eram reavaliadas a cada 2 anos. O estudo foi publicado no Official Journal of the American Academy Of Pediatrics

Como conclusão a exposição de crianças ao álcool por meio do leite materno pode causar reduções dependentes da dose em suas habilidades cognitivas. Essa redução foi observada aos 6 a 7 anos de idade. Aleitamento – Pode Consumir Álcool Amamentando?.


Compartilhar:


Agende sua Consulta!



Tags:


Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.



Neurologista- Doenças Neurológicas e Sistema Nervoso - Neurologia Hoje
Pergunte ao Doutor!


Willian Rezende do Carmo, 2019 | Desenvolvido e Monitorado por IT9 - ABCtudo. Todos os direitos reservados. | Data da última modificação: 04/01/2020