Neurologista - Dr. Willian Rezende

Descubra os Medicamentos que dão Sono


Existem 10 tipos de medicamentos muito usados pela população que provocam sonolência durante o dia, mas quase ninguém sabe que esses medicamentos podem causar esse sintoma.

Neste artigo, vamos explicar todos os detalhes e pontuar 10 tipos de medicamentos que dão sono e o que efeito eles podem ter na sua saúde. Entre esses medicamentos, estão antialérgicos, analgésicos, entre outros. Fique conosco até o final deste artigo e confira os detalhes!

Descubra quais Medicamentos dão Sono Durante o Dia

Medicamentos para Alergia (Anti Histamínicos)

Vários medicamentos para alergia são usados para tratar mais do que só a condição de alergia. Alguns são utilizados com os mais variados intuitos, como tentativa de dar um fim em sintomas como tosse, entre outros usos diversos.

Alguns deles são:

  • Difenidramina®;
  • Hidroxizina®;
  • Meclizina®;
  • Prometazina®.

Relaxantes Musculares

Existem alguns relaxantes musculares que podem causar sonolência diurna. Dentre eles, podemos citar:

  • Ciclobenzaprina (Miosan®, Musculare®, etc.);
  • Carisoprodol (Mionevrix®, Mioflex®);
  • Orfenadrina (Dorflex®).

Analgésicos Opióides

Os analgésicos opióides são analgésicos narcóticos que derivam do ópio. Alguns deles provocam sono durante o dia, como por exemplo:

  • Codeína (Tylex®, Codein®, Paco®, etc…);
  • Tramadol (Tramal®, Tramadon®, Ultracet®);
  • Ou até mesmo a própria morfina.

Analgésicos Comuns

Muitos analgésicos que ingerimos diariamente podem causar sonolência, e resultar em consequências severas, como praticamente perder a capacidade de dirigir. Eles normalmente são medicamentos associados, como:

  • Lisador® (Dipirona® e Prometazina® [anti-histamínico potente]);
  • Dorflex®, (associação de dipirona e relaxante muscular);
  • Torsilax® ou Tandrilax® (Compostos com antiinflamatório e relaxante muscular).

Medicamentos para Náuseas e Enjoos

São geralmente usados por pessoas que decidem viajar, e querem um remédio que ajude a proporcionar um momento de descanso na viagem. O que algumas pessoas não sabem, é que quando o medicamento é utilizado para outras funções, como aliviar a náuseas da menstruação, ele pode causar sonolência excessiva como efeito colateral. São exemplos desses remédios o dimenidrinato e o Dramin®.

Medicamento para Cólicas

Alguns medicamentos que possuem funções abdominais, como tratar cólicas menstruais e intestinais, tem a sonolência como um dos principais efeitos colaterais do medicamento. A escopolamina e o Buscopan® são exemplos desses medicamentos.

Antitussígenos (Medicamentos para Tosse)

Esses medicamentos são divididos em duas categorias: os antitussígenos narcóticos e os não narcóticos.

Dentre os Narcóticos que mais causam sono, temos:

  • Hidrocodona®;
  • Codeína®.

E temos os não narcóticos que também causam certa sonolência, como:

  • Dextrometorfano®;
  • Difenidramina®;
  • Clorfeniramina®;
  • Bronfeniramina®;
  • Loratadina®;
  • Cetirizina®.

Os expectorantes como Acetilcisteína e guaifenesin também causam sonolência. Comumente são classificados como remédios que não apresentam perigo, pois são frequentemente utilizados em crianças. Mas o efeito nos idosos polimedicados pode ser um agravante de sono, além de ter o poder de aumentar a aspiração de saliva.

Medicamentos para Pressão

Alguns medicamentos para pressão dão sono, como os:

  • Betabloqueadores (Propranolol®, Metoprolol®, Atenolol®);
  • Alfa2-Agonistas (Clonidina®).

Ansiolíticos

Medicamentos prescritos para ajudar no sono podem ter uma metabolização muito lenta, o que acaba causando uma grande sonolência durante o dia, especialmente em idosos. São exemplos o clonazepam e o Rivotril, entre vários outros da mesma classe de benzodiazepínicos, como diazepam, alprazolam, etc…

Antidepressivos

Os antidepressivos podem causar sintomas de sonolência no começo do tratamento, como o aumento de bocejos e o próprio sono, embora normalmente eles sejam passageiros. No entanto, alguns remédios podem causar esses sintomas durante o dia e ter seus efeitos diminuídos gradativamente. Alguns exemplos desses medicamentos são:

  • Fluvoxamina®;
  • Mirtazapina®;
  • Amitriptilina®.

Saiba mais assistindo ao nosso vídeo:

Fonte: https://pharmacyinnovations.net/2018/10/30/medications-that-can-cause-fatigue-and-drowsiness/

Compartilhe

Apneia do Sono

A apneia do sono é uma condição caracterizada por pausas na respiração que duram alguns segundos, e que ocorrem diversas vezes durante o sono. Essa doença classifica-se como Apneia Obstrutiva do Sono ou Apneia Central do Sono. Suas causas e tratamentos podem variar, e o ronco é um importante sintoma. O diagnóstico é feito pela avaliação dos sintomas e do exame de Polissonografia.



Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *