Neurologista - Dr. Willian Rezende

Impotência Sexual: Conheça suas Possíveis Causas!


A impotência sexual é um problema considerado comum, pois afeta milhares de pessoas. No entanto, suas causas e particularidades nem sempre são conhecidas pela população. Você suspeita que alguém tenha impotência sexual, mas não tem certeza do que está acontecendo? Continue lendo este artigo para saber mais sobre o assunto.

Impotência Sexual – Saiba Mais

A impotência sexual caracteriza-se pela incapacidade de ficar com o membro sexual masculino ereto, ou mantê-lo reto de forma consistente até ejacular. Vários fatores podem contribuir para a condição, incluindo transtornos emocionais e físicos.

Um deles é o envelhecimento, ou seja, o avanço da idade pode levar ao desenvolvimento da condição. Os fatores de risco são ainda maiores em homens que já foram diagnosticados com um ou mais distúrbios cardiovasculares.

A impotência geralmente tem um efeito negativo na vida sexual e pode causar estresse adicional, baixa autoestima e até mesmo a depressão. Por isso, saber reconhecer e tratar as causas da condição pode fazer uma grande diferença na vida dos portadores.

Impotência Sexual – Causas

As principais causas da impotência sexual são depressão, estresse e baixa auto-estima. Além disso, todo problema de ereção tem relação com algum dos 3 elementos a seguir:

  • Vascular;
  • Neurológico;
  • Hormonal.

Doenças Endócrinas

O sistema endócrino do corpo produz hormônios que regulam o metabolismo, a função sexual, a reprodução, o humor, entre outros. O Diabetes é um exemplo de doença endócrina que pode causar a impotência, pois afeta a capacidade do organismo de usar o hormônio insulina.

Algumas das complicações associadas ao diabetes crônico são: lesão do nervo que afeta a sensibilidade do pênis, fluxo sanguíneo e níveis hormonais prejudicados, entre outros.

Distúrbios Neurológicos e Nervosos

Várias condições neurológicas podem aumentar o risco de impotência sexual. Isso acontece devido a distúrbios nervosos, que afetam a capacidade do cérebro de se comunicar com o sistema reprodutivo, possivelmente impedindo a ereção.

Os distúrbios neurológicos associados à impotência incluem:

  • Doença de Alzheimer;
  • Mal de Parkinson;
  • Tumores cerebrais ou espinhais;
  • Esclerose múltipla (EM);
  • Acidente vascular encefálico;
  • Epilepsia do lobo temporal.

Medicamentos

Certos medicamentos afetam o fluxo sanguíneo, o que pode levar a disfunção erétil. Nunca pare de tomar um remédio sem antes conversar com seu médico, mesmo que ele seja conhecido por causar impotência.

Condições Relacionadas ao Cardíaco

Condições que afetam o coração e sua capacidade de bombear sangue podem causar impotência. Sem fluxo sanguíneo suficiente para o pênis, não há ereção.

Outra condição que se enquadra nesta categoria é a aterosclerose, distúrbio que faz com que os vasos sanguíneos fiquem entupidos, causando impotência. Colesterol alto e hipertensão também estão associados a maiores riscos de impotência.

Fatores de Estilo de Vida e Transtornos Emocionais

Para conseguir atingir o estágio de ereção, o primeiro passo é percorrer a fase da excitação, que pode ser uma resposta emocional. Distúrbio emocionais podem afetar sua capacidade de excitação. Algumas doenças relacionadas a esse fator são:

  • Ansiedade e Depressão;
  • Fadiga relacionada à depressão;
  • Abuso de drogas, como cocaína e anfetaminas;
  • Abuso alcoólico.

Saiba mais sobre a disfunção erétil e suas diferentes causas assistindo ao vídeo disponibilizado a seguir:

Fonte: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0140673607602384

Compartilhe

Emoções

Os transtornos emocionais caracterizam-se por disfunções comportamentais e cerebrais, que afetam a saúde psicológica e a qualidade de vida dos pacientes. Distúrbios como depressão, ansiedade, estresse, síndrome do pânico e fobia social estão inclusos nesta categoria. As causas, sintomas, e terapias variam de acordo com a condição. É essencial buscar ajuda especializada para diagnosticar e tratar adequadamente o problema.



Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *