Responsive image

Travamento no Parkinson (Freezing)

Neurologista - Dr. Willian Rezende do Carmo

Categorias: Conteúdos, Doença de Parkinson

Publicado: 29 de maio de 2019 | Atualizado: 29 de maio de 2019

Um sintoma comum da doença de Parkinson é o “travamento” (ou “freezing” em inglês). A condição se caracteriza por uma incapacidade súbita, mas temporária, de se mover. Isso pode acontecer a qualquer momento, como ao caminhar ou ao tentar se levantar de uma cadeira.

Travamento no Parkinson – Saiba Mais

Os episódios de travamento limitam a mobilidade de uma pessoa com Parkinson e podem contribuir negativamente, resultando em uma socialização reduzida e uma qualidade de vida mais baixa.

Além disso, o travamento pode ser perigoso: aproximadamente 38% das pessoas com Parkinson caem a cada ano, e o travamento aumenta o risco de quedas, pois ocorre sem aviso prévio. Quedas podem causar problemas de saúde adicionais, incluindo ossos quebrados ou ferimentos na cabeça.

Check list de sintomas de doença de Parkinson
Um questionário com lista de sintomas que podem estar associados ao Parkinson

Travamento no Parkinson – Técnicas para Lidar

A fisioterapia e a terapia ocupacional podem ser úteis para reduzir ou superar os episódios de travamento. A fisioterapia se concentra na reabilitação física e recuperação de lesões ou doenças com o objetivo de restaurar a mobilidade, assim como também tem por intuito educar os pacientes sobre como gerenciar sua condição para manter os benefícios a longo prazo.

A terapia ocupacional também lida com reabilitação e movimento, mas se concentra mais em permitir que a pessoa se engaje nas atividades diárias da melhor maneira possível. Os terapeutas ocupacionais também sugerem adaptações e modificações no ambiente do cotidiano da pessoa.

Existem várias técnicas que podem ajudar as pessoas com Parkinson a superar o travamento, incluindo:

Dicas do cotidiano e para a casa do Parkinsoniano
Esse livro trás importantes orientações sobre como é possível melhorar o ambiente do paciente Parkinsoniano para que ele tenha um dia-a-dia mais fácil e agradável.
  • Ouvir música – Cantar uma música e tentar caminhar no ritmo da canção pode ajudar a mantê-lo em movimento;
  • Tentar um metrônomo – Os metrônomos mantêm uma batida constante, e caminhar neste ritmo pode ajudar a reduzir o travamento;
  • Mudar a direção – Se você não consegue seguir em frente, tente dar um passo para o lado ou para trás, antes de tentar ir para frente;
  • Mudar o peso de um lado para o outro antes de dar um passo pode ajudar a iniciar o movimento;
  • Caminhar parado no mesmo no lugar, levantando os joelhos o mais alto que puder, antes de dar um passo à frente;
  • Mover outra parte do seu corpo – Se suas pernas não se moverem, balance seus braços primeiro e tente mover suas pernas novamente;
  • Imagine uma linha na sua frente – Visualize uma linha na sua frente e pise sobre ela. Para pontos na casa que são consistentemente complicados, como uma porta, você pode usar fita adesiva no chão para criar uma linha;
  • Use um laser – Acenda um laser na sua frente e pise nele;
  • Peça por ajuda – Peça a um amigo ou membro da família para dar um gentil empurrãozinho;
  • Pratique dança – Os movimentos da dança são rítmicos e podem ajudar a fortalecer seu equilíbrio e fluidez;
  • Exercer em intervalos (também conhecido como treino hiit) – O treinamento intervalado em uma bicicleta estacionária envolve mudar a direção ou a taxa de atividade. Isso pode ajudar a melhorar a força e o funcionamento motor.

Como com qualquer sintoma, os pacientes que experimentam episódios de travamento devem mencionar isso ao neurologista que está gerenciando seus cuidados. O profissional pode fazer alterações na medicação ou fornecer um encaminhamento para um terapeuta físico ou ocupacional.

Fonte: https://pn.bmj.com/content/14/4/222.long

Compartilhe:


Doença de Parkinson

A doença de Parkinson é uma condição neurológica crônica e progressiva, resultante da degeneração das células responsáveis pela produção de dopamina, um neurotransmissor que controla os movimentos, entre outras funções. Seus sintomas costumam afetar o movimento, e o diagnóstico é feito com base no histórico do paciente, avaliação dos sintomas e alguns exames. O tratamento deve ser individualizado, e comumente exige uma abordagem interdisciplinar.

Compartilhar:


Agende sua Consulta!



Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.


Neurologista- Doenças Neurológicas e Sistema Nervoso - Neurologia Hoje
Pergunte ao Doutor!

Tire suas dúvidas atráves do nosso fórum!



Willian Rezende do Carmo, 2021 | Desenvolvido e Monitorado por IT9 - ABCtudo. Todos os direitos reservados. | Data da última modificação: 05/04/2024