Neurologista - Dr. Willian Rezende

Tratamento da Neuralgia Pós-Herpética


A Herpes zóster é uma infecção viral que causa uma erupção dolorosa, geralmente dura de 2 a 4 semanas. Nesse período, você pode apresentar bolhas na pele e sentir dor intensa, ardor, coceira e outros sintomas.

Tratamento da Neuralgia Pós-Herpética

O vírus pode infectar qualquer região, mas é comum no tronco e no rosto. As lesões, geralmente, se manifestam na forma de uma faixa em um dos lados do corpo.

Embora não represente risco de vida, o herpes zóster pode provocar a incapacidade física do membro acometido.

Para a maioria das pessoas, os sintomas geralmente desaparecem junto com a erupção cutânea. Mas para algumas pessoas, a dor persiste por muito tempo depois que sua pele desaparece, por lesionar nervos naquela região, isso se chama neuralgia pós-herpética (NPH). Quando isto acontece, a pessoa passa a apresentar dores neuropáticas e precisa de tratamento específico.

Alguns dos sintomas são: intensas sensações de formigamento; queimação; dores agudas que não diminuem. Isso pode durar 3 meses ou mais, pode deixar a pele sensível ao toque e até dificultar o uso de roupas.

Tratamento

Existem dois momentos no tratamento da herpes. O primeiro é da herpes aguda e o segundo da herpes crônica.

É considerada como fase aguda da herpes os primeiros 90 dias do início da infecção, quando o paciente acabou de ter a infecção e está com bolhas e vermelhidão.

Se a dor persistir após os 90 dias da infecção, a herpes é considerada crônica. Quando o nervo é danificado e apresenta sequelas (entre elas a dor) é chamado de neuropatia.

O tratamento pode incluir medicamentos, como os:

  • Antivirais;
  • Corticóide;
  • Anticonvulsivantes: podem ajudar a reduzir a dor da neuralgia pós-herpética;
  • Analgésicos prescritos: medicamentos de venda livre podem ser suficientes para casos leves, mas outros podem precisar de analgésicos opióides (narcóticos) mais potentes;
  • Tratamentos tópicos: por exemplo, uso de cremes;
  • Fisioterapia de desensibilização;
  • Toxina botulínica.

Outras maneiras de aliviar a dor incluem:

  • TENS (estimulação elétrica nervosa transcutânea): Você usa um dispositivo que dispara pequenas correntes elétricas na área de dor na pele. Isso ajuda a bloquear a dor;
  • Compressa fria: Experimente uma bolsa de gel frio para anestesiar a área, a menos que objetos mais frios piorem sua nevralgia;
  • Acupuntura: As pessoas conseguem aliviar ou parar a dor de várias causas, e isso pode ajudar com a dor pós-herpética;
  • Roupas confortáveis: escolha acessórios mais frouxos e tecidos como algodão e seda. Ou roupas terapêutica como a refração de infravermelho.

Veja mais informações, assistindo a este vídeo:

  • Referências:

1 – The management of post-herpetic neuralgia
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1118597/

https://www.webmd.com/skin-problems-and-treatments/shingles/understanding-postherpetic-neuralgia-treatment#2

https://www.webmd.com/skin-problems-and-treatments/shingles/shingles-what-helps#3

Tratamento da Neuralgia Pós-Herpética
5 99.98% 11799
Compartilhe:

Dor Neuropática

A dor neuropática é uma doença crônica com diversas causas. Infecções, doenças e traumas que afetam os nervos periféricos são alguns exemplos. Esse tipo de dor pode ser causado por uma lesão ou disfunção do sistema nervoso central, periférico ou por traumas. Os pacientes são heterogêneos e apresentam uma variedade de sinais e sintomas sensoriais, todos relacionados à dor.



Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.

Deixe um Comentário