Neurologista - Dr. Willian Rezende

Diagnóstico da Demência na Doença de Parkinson


Os conhecimentos sobre a Doença de Parkinson (DP) avançaram nos últimos anos. A terapêutica oferecida melhorou consideravelmente a qualidade de vida dos pacientes e por tempo prolongado. A demência na Doença de Parkinson pode ocorrer durante a evolução da doença e ainda não tem aspectos neuropatológicos totalmente definidos.

A demência na DP pode ocorrer em cerca de 40% dos pacientes. Os distúrbios cognitivos fazem parte do quadro clínico da doença e sua evolução é diferente em cada paciente. Existem diversos critérios para diagnosticar a demência na Doença de Parkinson como: testes cognitivos; avaliação neuropsicológica; entre outros.

Diagnóstico da Demência na Doença de Parkinson

O diagnóstico da demência na DP deve ser realizado com rastreios (semestrais ou anuais), com testes cognitivos. Especialmente testes que avaliam funções executivas (termo que engloba várias habilidades cognitivas: resolução de problemas; planejamento / sequenciamento; mudança / manutenção de regras; troca de tarefas; manipulação na memória de trabalho; inibição de respostas), como:

  • MoCA teste;
  • Mini Mental;
  • Teste do relógio;
  • Teste fluência de palavras;
  • Outros testes que vão medir a capacidade cognitiva do paciente.

O comprometimento executivo piora com a progressão da doença e o médico deve avaliar estes e outros sinais, como o relato de alucinações e ilusões que são indícios de que a pessoa está desenvolvendo a demência.

O relato da família também é importante: se a pessoa está com a memória fraca; que não lembra e/ou está repetindo as coisas, podendo trazer indícios de que o paciente está iniciando um quadro de demência.

Diagnóstico da Demência na Doença de Parkinson – Avaliação Neurológica

Uma avaliação neuropsicológica pode ser realizada para confirmar o diagnóstico. Avaliando se realmente existe um comprometimento cognitivo nas funções neurológicas e quais aspectos da cognição estão mais afetados, é possível indicar tratamentos, medicamentos e terapia ocupacional para retardar a evolução da demência.

Referência:

1 – Parkinson’s disease dementia: a neural networks perspective
https://academic.oup.com/brain/article/138/6/1454/2847754

Diagnóstico da Demência na Doença de Parkinson
5 100% 20
Compartilhe:

Deixe um Comentário