Neurologista - Dr. Willian Rezende

Tontura: Quando a Tontura é Labirintite


A tontura e a labirintite são sintomas comuns que a maioria da população já vivenciou pelo menos uma vez. Entretanto, muitas vezes esses sintomas são mal-interpretados até mesmo por médicos.

Existe um costume inadequado de não levar tontura e labirintite a sério quando acontecem justamente por serem sintomas comuns, mas independente da situação, esses sintomas podem estar relacionados a doenças sérias, e por isso precisam ser investigados.

Tontura – O que é Tontura

Tontura é toda dificuldade de se manter em equilíbrio, e a incapacidade de se manter estável de maneira correta, contínua e funcional. Já a labirintite vem do termo “ite”, que significa na medicina, inflamação assim como conjuntivite, amigdalite, faringite.

Ou seja, labirintite quer dizer que o labirinto está inflamado. Essa inflamação pode ter várias causas, por exemplo, algo viral, infeccioso e até mesmo bacteriano. Os sintomas dessa condição na maioria das vezes incluem tontura rotatória contínua.

Tontura – Os sintomas que estão relacionados a labirintite

Mas o que significa tontura rotatória contínua? Esse sintoma envolve movimentos incômodos, que são conhecidos como vertigem, e pode ser causado por problemas no labirinto ou nas conexões centrais da orelha interna.

O principal sintoma da labirintite se apresenta com vertigem, e os principais sinais da vertigem são enjoo, vômito e dificuldade para fixar imagens. Por isso, é muito comum experienciar o “nistagmo” do olho, não qual a pessoa vê coisas girando o tempo todo.

Além disso, outro sintoma que se apresenta muito comumente é a dor no ouvido. É extremamente comum que pacientes que sofram de labirintite também apresentem otite. A pessoa sofre com constantes dificuldades para ouvir, que quando relacionadas à labirintite, se tornam contínuas.

Tontura – vertigem posicional paroxística benigna (vppb)

A labirintite precisa ser tratada de acordo com sua causa. Usualmente, o que chamamos de labirintite na verdade é a vertigem posicional paroxística benigna (vppb), esta é caracterizada por uma tontura que atinge a pessoa quando ela levanta da cama, ou gira na mesma e sofre as mesmas sensações de tontura.

Esse exemplo de tontura, está relacionado a movimentos cefálicos. O mais importante é entender que nem toda tontura simboliza labirintite, para evitar desesperos desnecessários. Entretanto, tonturas frequentes podem ser um sintoma alarmante e devem ser investigadas.

Tontura – As causas

As causas da tontura podem variar de acordo com a idade, a incidência e a prevalência dos sintomas, pois eles afetam os jovens e idosos de maneiras bem diferentes.

A principal causa de tontura que não é labirintite, é a vertigem posicional paroxística benigna, seus sintomas já foram explicados no tópico anterior. Esta é uma condição na qual a “pedrinha” que fica no labirinto muda de lugar, o intuito dessa pedrinha é trazer a sensação tridimensional de onde está a cabeça.

Por este motivo, quando ela muda de lugar, qualquer movimento brusco pode se tornar intenso e provocar tonturas, que podem ser acompanhadas de enjoos, sudorese, mal estar, entre outros. O tratamento adequado para esta condição é terapêutico e é realizado através do fonoaudiólogo ou fisioterapeuta. Os tratamentos apresentados por esses profissionais serão mais eficazes que medicamentos.

Fontes: 

Tontura: Quando a Tontura é Labirintite
5 100% 20
Compartilhe

Neurologia Geral

A Neurologia é a especialidade médica que se dedica a investigar, diagnosticar e tratar as enfermidades que podem afetar o sistema nervoso central e periférico (cérebro, cerebelo, tronco encefálico, medula espinhal e nervos). A categoria de Neurologia Geral aborda diferentes condições de saúde que se encaixam dentro de temas neurológicos. Podendo incluir problemas distintos, com gravidades e manifestações diversas.



Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.

Uma resposta para “Tontura: Quando a Tontura é Labirintite”

  1. Sempre escuto de pessoas conhecidas… nossa minha labirintite está atacada… agora vou pedia para lerem este artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *