Responsive image

Qual o Tratamento Indicado para Lesão Medular?

Neurologista - Dr. Willian Rezende do Carmo

Categorias: Conteúdos, Neurologia Geral

Publicado: 12 de dezembro de 2023 | Atualizado: 12 de dezembro de 2023

A lesão medular é uma condição complexa e desafiadora que pode resultar em déficits sensório-motores, disfunção autonômica e esfincteriana, impactando significativamente a qualidade de vida do indivíduo afetado. Trata-se de uma lesão na medula espinhal, uma estrutura delicada localizada no interior da coluna vertebral, que desempenha um papel crucial na condução nervosa e na comunicação entre o cérebro e outras partes do corpo.

As lesões medulares podem ser causadas por diversos fatores, sendo as traumáticas as mais comuns. Acidentes de trânsito, quedas, ferimentos por arma de fogo e lesões esportivas são exemplos de eventos que podem resultar em danos à medula espinhal. Além disso, existem causas não traumáticas, como tumores, doenças como a poliomielite e malformações congênitas.

Tipos de Lesões Medulares

As lesões medulares podem ser classificadas em diferentes tipos, dependendo da extensão e localização do dano. Lesões traumáticas como a tetraplegia, que afeta o tronco e membros superiores, e a paraplegia, que compromete parcial ou totalmente o tronco e os membros inferiores, são exemplos. Elas podem ser completas, afetando todas as vias motoras ou sensitivas, ou incompletas, comprometendo apenas algumas dessas vias.

Teste de Sonolência Diurna
Teste Epworth, determina o grau de sonolência diurna. Não somente para apneia, outras patologias também podem dar sono durante o dia

Fases da Lesão Medular

O processo de uma lesão medular traumática envolve várias fases, incluindo a lesão mecânica primária e a lesão endógena secundária. Cada fase apresenta desafios específicos que exigem abordagens distintas no tratamento.

Fase I – Aguda:

  • O foco está na prevenção de complicações secundárias;
  • Cuidados com a pele, mobilização articular e exercícios respiratórios são essenciais;
  • Tratamento para preservação de movimentos e cuidados respiratórios.

Fase II – Intermediária:

  • Inclui técnicas de controle motor e reeducação muscular;
  • Exercícios resistidos são introduzidos para fortalecimento;
  • Adaptações ambientais para remover barreiras e garantir segurança.

Fase III – Crônica:

  • Tratamento contínuo para promover independência funcional;
  • Envolvimento em atividades diárias, transferências e postura em pé;
  • Promoção do retorno da marcha com dispositivos ortóticos.

Abordagem Fisioterapêutica:

O tratamento da lesão medular é multidisciplinar, envolvendo diversos profissionais de saúde, mas a fisioterapia desempenha um papel crucial em todas as fases do processo. Desde a fase aguda até a recuperação contínua, o fisioterapeuta é essencial para o sucesso do tratamento.

Prevenção de Complicações:

  • Cuidados com a pele para evitar úlceras por pressão.
  • Exercícios respiratórios para prevenir complicações respiratórias.
  • Prevenção de trombose venosa profunda e hipotensão postural.

Reabilitação Funcional:

  • Exercícios resistidos para fortalecimento muscular.
  • Técnicas de controle motor e reeducação muscular.
  • Adaptações ambientais para facilitar a vida diária.

Independência e Qualidade de Vida:

  • Treinamento em técnicas de facilitação das atividades diárias.
  • Envolvimento dos familiares e cuidadores no processo de reabilitação.
  • Educação contínua para compreensão das necessidades individuais.

Desafios e Conquistas

A lesão medular não afeta apenas o paciente, mas tem implicações fisiológicas, emocionais, sociais e econômicas duradouras para o indivíduo e sua comunidade. A adaptação à nova realidade e a superação de desafios são parte integrante do processo de tratamento.

Experiências de Pacientes

Projetos como o ‘Condicionamento Físico e Esportes para Pessoas com Deficiência’ mostram como a fisioterapia pode ser integrada ao tratamento. A prática de atividades físicas, como fisioterapia, natação e musculação, desempenha um papel significativo na melhoria da mobilidade e na recuperação dos movimentos.

Indivíduos que participam desses projetos compartilham histórias de superação e melhora na qualidade de vida. Mesmo diante dos desafios impostos pela lesão medular, a determinação e o apoio adequado podem resultar em conquistas significativas.

O tratamento da lesão medular é um processo contínuo e desafiador, mas a abordagem fisioterapêutica desempenha um papel crucial em todas as fases. Desde a prevenção de complicações até a promoção da independência funcional e adaptação à nova realidade, a fisioterapia é fundamental para o sucesso do tratamento. Projetos e iniciativas que integram a prática de atividades físicas mostram que, mesmo diante de uma condição tão complexa, é possível alcançar melhorias significativas na qualidade de vida dos pacientes com lesão medular.

Problemas com produtividade ? Isso pode ser mais grave do que você imagina!
Um checkup neurológico pode te ajudar te diversas maneiras e te fazer produtivo como nunca! Experimente e venha na Clínica Regenerati.
Mais informações sobre este assunto na Internet:
Compartilhe:


Compartilhar:


Agende sua Consulta!



Tags:, , ,


Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.


Neurologista- Doenças Neurológicas e Sistema Nervoso - Neurologia Hoje
Pergunte ao Doutor!

Tire suas dúvidas atráves do nosso fórum!



Willian Rezende do Carmo, 2021 | Desenvolvido e Monitorado por IT9 - ABCtudo. Todos os direitos reservados. | Data da última modificação: 23/02/2024