Neurologista - Dr. Willian Rezende do Carmo


Tratamento Cirúrgico da Estenose de Canal Lombar

Categorias: Conteúdos




Tratamento Cirúrgico da Estenose de Canal Lombar

Publicado: 11/11/20 | Atualizado: novembro 11, 2020

Estenose De Canal LombarA estenose de canal lombar é um estreitamento de uma via natural, o canal lombar. Por onde passam as raízes nervosas que vão da medula para os membros inferiores. Quando ocorre esse estreitamento pode-se resultar em uma compressão desses nervos. Com isso o paciente pode apresentar um quadro de dor ao caminhar e dor nas costas, conhecida como claudicação neurogênica.

 

Quais os sintomas da estenose de canal lombar?

É muito importante  saber diferenciar esse quadro de um outro chamado claudicação vascular. Na claudicação neurogênica, os nervos vão doer porque quando a pessoa caminha irá faltar suprimento sanguíneo para os nervos que estão apertados. Já na claudicação vascular tem um problema diferente, que é o sangue não chegar adequadamente nas pernas por uma obstrução de vasos. Com isso o paciente fará esforço, e o por não chegar sangue o suficiente, sua perna começará a doer. Se tem dica dos exames físicos, onde se vê os pulsos ou não e se tem sangue chegando na perna.

 

Tratamento

Constatado uma claudicação neurogênica, o primeiro tratamento será conservador. Um tratamento com reabilitação, analgesia, poderão ser feitos alguns bloqueios para que o paciente aguentar a reabilitação. Nos casos refratários se tem uma discussão de cirurgia. Os casos de cirurgia são para aqueles pacientes que mesmo fazendo a reabilitação a dor vem piorando. O número do uso de próteses nas cirurgias de coluna vem caindo muito. Um trabalho sueco revolucionou a visão sobre o uso de artrodese para o tratamento da estenose de canal lombar.

Espondilolistese

Com esse trabalho sueco aprendeu-se que mesmo que tenha um escorregamento de uma vértebra sobre a outra (espondilolistese). Se houver um escorregamento e depois uma fixação não será necessário colocar o parafuso. Portanto se o paciente tiver uma espondilolistese fixa, não tendo uma vértebra escorregando por cima da outra e tem os sintomas de claudicação neurogênica refratária é feito a laminectomia. É retirado a parte posterior da coluna (lâmina), isso revolucionou por se tornarem cirurgia bem menos invasivas sendo bem menos complicadas.

Não espere a dor se tornar muito frequente para buscar atendimento médico. Procure um especialista.

Autor: Victor Rosseto

Compartilhe:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  


Compartilhar:


Agende sua Consulta!



Tags:,


Todos os utilizadores da plataforma se comprometem a divulgar apenas informações verdadeiras. Caso o comentário não trate de uma experiência pessoal, forneça referências(links) sobre qualquer informação médica à ser publicada.
O público pode realizar comentários, alterar ou apagar o mesmo. Os comentários são visíveis a todos.


Neurologista- Doenças Neurológicas e Sistema Nervoso - Neurologia Hoje
Pergunte ao Doutor!

Tire suas dúvidas atráves do nosso fórum!



Willian Rezende do Carmo, 2019 | Desenvolvido e Monitorado por IT9 - ABCtudo. Todos os direitos reservados. | Data da última modificação: 22/11/2020